Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/2775
Authors: Cruz, Márcia Lúcia da
Orientador: Elpídio Serra
Title: Agricultura familiar no contexto da lavoura capitalista no município de Campo Mourão - PR
Banca: Angela Maria Endlcih - UEM
Banca: Marli Terezinha Szumilo Schlosser - UNIOESTE
Keywords: Agricultura;Pequena propriedade familiar;Setor agrícola;Tecnologias;Usos, Agricultura;Estrutura fundiária;Geografia;Propriedade agrícola;Agricultura familiar;Viabilidade agrícola;Viabilidade econômica;Campo Mourão;Paraná;(Estado);Brasil.;Agricultural sector;Technologies;Agrarian structure;Small family farms;Economic viability;Campo Mourão;Paraná;State;Brazil.
Issue Date: 2010
Publisher: Universidade Estadual de Maringá
Resumo: O setor agrícola de Campo Mourão e municípios vizinhos são dependentes de grandes áreas e também é grande absorvedor de tecnologias, tanto químicas como mecânicas. Quando se instalou, nos anos 1960, prejudicou a manutenção das pequenas propriedades, que perdeu espaço na estrutura fundiária e teve comprometida sua viabilidade econômica. Na virada do milênio, no entanto, as pequenas unidades produtivas acabaram conquistando nova função econômica e social, graças às políticas públicas, à atuação de associações de produtores, de cooperativas, de mecanismos de crédito e de comercialização da produção. Estudar a manutenção da pequena propriedade familiar de Campo Mourão e sua convivência com as propriedades empenhadas no agronegócio constituem o objetivo principal deste trabalho. No seu contexto, o trabalho se propõe a demonstrar que a pequena propriedade é viável economicamente, mas que depende do apoio do Estado e de mecanismos para colocar seus produtos no espaço urbano.
Abstract: The agricultural sector of Campo Mourão and neighboring cities is dependent on large areas and is also a great observer of technologies, both chemical and mechanical. When installed in the 1960s, adversely affected the maintenance of small farms, which lost ground in the agrarian structure and had compromised its economic viability. In the new millennium, however, the small production units eventually won new economic and social function, the role of producer associations, cooperatives, credit schemes and marketing of production. Studying the maintenance of small property family Campo Mourão and his living together with the properties compromised in agribusiness constitutes the main objective of this work. In its context, the paper aims to demonstrate that the smallholding is economically feasible, but that depends on state support and mechanisms to put their products in urban space.
URI: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/2775
Appears in Collections:2.6 Dissertação - Ciências Humanas, Letras e Artes (CCH)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000182492.pdf4 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.