Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/3529
Authors: Mercado, Rakelly Giacomo
Orientador: Fernanda Antonio Simões
Title: Acessibilidade e mobilidade de cadeirantes no transporte público urbano de Maringá
Banca: Antônio Clovis Pinto Ferraz - USP
Banca: José Kiynha Yshiba - UEM
Keywords: Transporte público urbano;Cadeirantes;Acessibilidade;Pontos de parada;Leiaute interno;Deficiência física;Maringá;Paraná;Brasil.;Urban public transport;Wheelchair people;Accessibility;Bus stops;Inside vehicles layout;Physical disability;Maringá;Paraná;Brazil.
Issue Date: 2008
Publisher: Universidade Estadual de Maringá
Resumo: No presente trabalho é realizada uma avaliação do sistema de transporte público urbano de Maringá, enfocando a inserção de pessoas com cadeira de rodas no serviço de transporte público convencional. A definição dos cadeirantes para grupo de estudo está baseada na maior dificuldade de locomoção que essas pessoas enfrentam, pois dependem de boas condições do meio urbano para conseguirem se deslocar com suas cadeiras. A metodologia, baseada nas normas de acessibilidade, avalia os pontos de parada, o interior dos veículos e a transposição da fronteira, ou seja, os movimentos de embarque e desembarque. Os resultados apontam que a medida que os pontos de paradas se afastam da região central pioram as condições de infra-estrutura, sendo guias rebaixadas e obstruções os fatores de impedância mais críticos. Os dispositivos de transposição de fronteira, no caso as plataformas elevatórias veiculares, obtiveram conceito ótimo, atendendo de forma satisfatória as recomendações da NBR 14022/2006. Com relação ao interior dos veículos, a avaliação permite inferir que, apesar de existir plataforma elevatória veicular, o leiaute interno encontra-se em desacordo com as recomendações, principalmente no espaço para colocação da cadeira, na área de manobra e no dispositivo de fixação da cadeira, tendo como conseqüência o conceito regular.
Abstract: In this work is carried out an evaluation of urban public transportation system in Maringá, focusing wheelchair?s insertion in conventional public transportation. The definition of wheelchairs as a group of study is based on the greater difficult on moving themselves, since they depend on good conditions of the urban environment to move around with their chairs. The methodology is based on accessibility standards and evaluates bus stops, inside vehicles layout and the equipment designed to board and de-board. The results show that the bus stops have bad infrastructure as much as they are far from the central area; few sidewalks ramps and the amount of interferences are the greater impedance factors. The equipments to board and de-board, in this case vehicular lifts platform, had great as concept, attending the standards of NBR 14022/2006. About the inside vehicles layout the evaluation shows that, although there is vehicular lift platform, they are in disagreement with the standards, mainly about the space for placing the wheelchair, the space to maneuvering and the mechanism to lock the wheelchair, bringing regular as a concept.
URI: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/3529
Appears in Collections:2.4 Dissertação - Ciências de Tecnologia (CTC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000211124.pdf7,53 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.