Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/4177
Authors: Galina, Carolina Beal
Orientador: Adalberto de Oliveira Souza
Title: O diálogo entre ficção e realidade em Linhas Tortas, de Graciliano Ramos
Banca: Clarice Zamonaro Cortez - UEM
Banca: Adenil Alfeu Domingos - UNESP
Keywords: Literatura brasileira;Análise e estudo;Crônica brasileira;Estudos literários;Crítica sociológica;Jornalismo;Linhas tortas;Ramos, Graciliano;Análise literária;Chronicle;Graciliano Ramos;Social criticism;Journalism;Brazilian literature
Issue Date: 2007
Publisher: Universidade Estadual de Maringá
Resumo: A crônica é um gênero literário estritamente ligado à idéia temporal (chronos = tempo). Isto porque também herdou algumas características do jornalismo, e em especial, a instantaneidade. Chegando da Europa, adaptou-se sem dificuldades ao território brasileiro, conquistando os leitores de jornais do século XIX. Comentando os fatos do dia, a crônica tornou-se bastante popular, cultivada por autores como José de Alencar, Machado de Assis e Lima Barreto, que imprimiram estilos próprios a seus textos, aproveitando a oportunidade de se fazer conhecido pelo público. Com Graciliano Ramos não foi diferente. Após publicar poemas nos jornais de Palmeira dos Índios, deixou-se seduzir pelas empresas jornalísticas, indo morar no Rio de Janeiro em 1915. Foi lá que começou a escrever suas primeiras crônicas, depois compiladas juntamente com outras produzidas em períodos posteriores, na obra que ganhou o mesmo nome de uma coluna sua, Linhas Tortas. No entanto, devido ao descuido com que a crônica continua sendo tratada pelos estudos literários e de jornalismo, tal obra acabou esquecida pelos pesquisadores, não havendo muitos trabalhos sobre ela; por isso, a importância em tratar sobre tal assunto. Considerando que a crônica situa-se entre a ficção e a realidade, esta pesquisa tem como objetivo apresentar um estudo sobre esta dualidade e o diálogo que se trava entre jornalismo e literatura em tal gênero. Como o fato e, conseqüentemente, a contextualização social e histórica é de extrema importância na constituição da crônica, a opção pelo método de pesquisa foi a utilização da crítica sociológica de Antonio Candido. Primeiramente, fez-se uma introdução ao corpus de pesquisa devido à sua heterogeneidade, com a apresentação do período em que foram escritas. Em seguida, através da pesquisa bibliográfica, foi feita uma análise estrutural, estilística e temática do corpus escolhido. Por fim, observou-se o diálogo existente entre a ficção e realidade presente nas crônicas. Destas leituras, conclui-se que jornalismo e literatura podem caminhar juntos na formação de uma obra valorizada por críticos e leitores.
Abstract: The chronicle is a literary gender strictly joined to a temporal idea (chronos = time). It is because the chronicle inherited some characteristics from journalism too, specially the instantaneous element. Coming from Europe, the chronicle adapted itself without problems at Brazilian territory, conquering the newspaper's readers from XIX century. Talking about the facts of the day, the chronicle converted to a popular gender, cultivated by authors like Jose de Alencar, Machado de Assis and Lima Barreto, whose developed their owner styles, profiting the opportunity to make them famous. It was not different considering Graciliano Ramos. After publishing his poems in "Palmeira dos Índios" newspapers, he was seduced by journalistic companies, going to Rio de Janeiro in 1915. It was in this city that he started to write his first chronicles, which were joined with another ones produced later, in a book called Linhas Tortas, the same name from his column in the news. However, because of negligence with the treat of the chronicle from the literary and journalistic studies, the researchers have forgot this book, as we see there is few works about it. So there is the importance in studying this theme. Considering that the chronicle is situated between the reality and the fiction, this research has the objective to present a study about this duality and the dialogue between journalism and literature in the gender. It was chosen the social approach from the theory by Antonio Candido to develop the analysis, because the fact and the historical context are very important elements in the chronicle's constitution. Firstly, it was made an introduction study to the corpus because its heterogeneity, presenting the moment that they were written. Immediately, through a bibliographic research, it was made a structural, stylistic and thematic analysis into the chosen corpus. Finally, it was identified the dialogue between fiction and reality at the chronicle. From these readings, there's the conclusion that journalism and literature can be together to create a working considered great for the readers and the critics.
URI: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/4177
Appears in Collections:2.6 Dissertação - Ciências Humanas, Letras e Artes (CCH)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000164449.pdf1,12 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.