Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/4830
Authors: Fulone, Leandro Junio
Orientador: Cláudia Costa Bonecker
Title: Influência da complexidade estrutural de macrófitas aquáticas sobre a diversidade de organismos perifíticos.
Other Titles: Influence of the aquatic macrophyte structural complexity on periphytic organisms diversity.
Banca: Juan José Neiff - Centro de Ecologia Aplicada del Litoral (CECOAL) / Argentina
Banca: Sidnei Magela Thomaz - Nupélia/UEM
Keywords: Perifíton;Complexidade de habitat;Diversidade;Microorganismos perifíticos;Ecologia de comunidades;Complexidade de habitat;Planície de inundação;Alto rio Paraná;Heterogeneidade;Macrófitas aquáticas;Brasil.;Periphyton;Habitat complexity;Diversity;Macrophytes;Heterogeneity;Upper Paraná River;Floodplain;Brazil.
Issue Date: 2008
Publisher: Universidade Estadual de Maringá
Resumo: Macrófitas aquáticas desempenham um importante papel na estrutura e funcionamento dos ecossistemas aquáticos incrementando a heterogeneidade do hábitat e favorecendo uma alta diversidade biológica. Neste sentido, o objetivo deste estudo foi investigar a influência da complexidade estrutural de diferentes espécies de macrófitas aquáticas sobre a estrutura das assembléias de amebas testáceas, rotíferos, cladóceros e copépodes perifíticos. As macrófitas foram categorizadas em um gradiente crescente de complexidade para se testar a hipótese de que a riqueza e diversidade de espécies, além da abundância dos organismos, aumentam positivamente ao longo deste gradiente. Todos os grupos apresentaram aumento concordante entre a complexidade e os valores de abundância. O número de táxons observado variou entre os diferentes graus de complexidade, sendo, em geral, os maiores valores registrados em macrófitas mais complexas. A diversidade total de espécies, das amebas testáceas e dos rotíferos foi correlacionada significativamente com o gradiente de complexidade estrutural. As relações entre os atributos das diferentes assembléias e o grau de complexidade das macrófitas estiveram relacionadas com o tamanho e modo de vida dos grupos estudados. Os resultados obtidos permitem afirmar que não só a complexidade estrutural, mas também a heterogeneidade de habitats é determinante para a manutenção da biodiversidade dos ambientes aquáticos.
Abstract: Aquatic macrophytes play an important role on the structure and functioning of aquatic ecosystems increasing the habitat heterogeneity and favoring a high biodiversity. In this way, this study evaluated the influence of structural complexity from different species of aquatic macrophytes on the structure of periphytic testate amoebae, rotifers, cladocerans and copepods. The macrophytes were categorized along a growing gradient of complexity to test the hypothesis that the species richness and diversity, beyond the abundance, increase positively along this gradient. All groups presented a concordant increase between the complexity and abundance values. The species richness varied among the different complexity degrees, and, in general, high values were recorded at more complex macrophytes. The total species diversity, the testate amoebae and rotifers diversity were also significantly correlated to structural complexity gradient. The relationships between the attributes of different assemblages and the complexity degree of aquatic macrophytes were related to the size and life history of studied groups. Our results allow arguing that not only structural complexity, but also the habitat heterogeneity is determinant for the maintenance of biodiversity from aquatic environments.
URI: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/4830
Appears in Collections:2.2 Dissertação - Ciências Biológicas (CCB)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000164785.pdf489,72 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.