Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/5348
Authors: Franzon, Rodrigo Chimenez
Orientador: Vidigal, Maria Celeste Gonçalves
Title: Adaptabilidade e estabilidade de linhagens de feijão comum (Phaseolus vulgaris L.)
Keywords: MHPRVG (Método estatístico) - Melhoramento genético;REML/BLUP (Método estatístico) - Melhoramento genético;Phaseolus vulgaris L. - Interação genótipos e ambientes - Estabilidade e adaptabilidade;Feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) - Produtividade
Issue Date: 21-Feb-2014
Publisher: Universidade Estadual de Maringá
Citation: FRANZON, Rodrigo Chimenez. Adaptabilidade e estabilidade de linhagens de feijão comum (Phaseolus vulgaris L.). 2014. 60 f. Dissertação (mestrado em Agronomia)--Universidade Estadual de Maringá, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Agronomia, 2014, Maringá, PR.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo avaliar a reação a doenças e identificar linhagens superiores de feijão comum quanto à produtividade de grãos, adaptabilidade e estabilidade. Os experimentos foram conduzidos em blocos casualizados com três repetições em quatro ambientes no estado do Paraná. A análise de adaptabilidade e estabilidade para produtividade de grãos das linhagens foi verificada em ensaios de Valor de Cultivo e Uso (VCU) nos ambientes Maringá/2012, Maringá/2013, Campo Mourão/2012 e Ponta Grossa/2012, utilizando o método da média harmônica da performance relativa dos valores genotípicos (MHPRVG) por meio do modelo misto REML/BLUP. Foi realizada avaliação das principais doenças de ocorrência natural no ambiente Maringá/2012 e Maringá/2013, através de uma escala de notas que variou de 1 (resistente) a 9 (suscetível). Os resultados mostram que houve baixa correlação entre os ambientes (0,13), evidenciando que a interação é do tipo complexa. A acurácia seletiva foi de ordem moderada (0,54) e, por se tratar de uma característica de natureza quantitativa, a herdabilidade no sentido amplo para a produtividade de grãos foi baixa (0,06). A média geral dos experimentos foi da ordem de 3108 kg ha-1. Quanto aos ambientes, Ponta Grossa se destaca pelas maiores produtividades chegando aos patamares de 4500 kg ha-1. Os genótipos de maior valor genotípico selecionados por BLUP individual foram: CNFP 10794, CHP 01-238, LP 09-40, C 4-7-8-1-2 e CHC 98-42, com produtividade média superior à média geral em até 5%. Em relação à estabilidade e adaptabilidade conforme a estatística MHPRVG, verificou-se que as linhagens CNFP-10794, CHP 01-238, CHC 98-42, C 4-7-8-1-2 e LP 09-40 apresentaram superioridade às demais, sendo promissoras para a recomendação como cultivares comerciais. As linhagens que se destacaram nas avaliações de doenças com menores notas foram: LP 09-192, LP 09-40, TB 02-23 e TB 03-13 em Maringá/2012 e FT 08-75 e LEC 01-11 (renomeada de Flor Diniz UEM) em Maringá/2013. A análise via modelos mistos permitiu identificar genótipos superiores de feijão comum quanto à sua adaptabilidade e estabilidade de maneira clara, além de fornecer os resultados na mesma escala dos dados coletados.
Abstract: This study aimed to evaluate the response to diseases and identify superior inbred lines of common bean for grain yield, adaptability and stability. The experimental design was a randomized complete block with three replications in four environments in Paraná state. The analysis of grain yield, adaptability and stability of genotypes in the environments: Maringa/2012 Maringa/2013, Campo Mourão/2012 and Ponta Grossa/2012, was performed by the harmonic mean of the relative performance of genotypic value (HMRPGV) method, through mixed model (REML/BLUP). Evaluation of the main diseases naturally occurring in the field was performed in Maringa/2012 and Maringa/2013 environments, using a scale for diseases ranging from 1 (resistant) to 9 (susceptible). The results showed low correlation between environments (0.13), demonstrating the presence of a complex type of interaction. The accuracy was moderate, and because the grain yield is a characteristic of quantitative nature, the heritability in the broad sense was low. The overall average of the experiments was approximately 3108 kg ha-1. In relation to the environments, Ponta Grossa showed the highest grain yields reaching the levels of 4500 kg ha-1. The genotypes with higher genotypic values selected by individual BLUP were: CNFP 10794, CHP 01-238, LP 09-40, C 4-7-8-1-2 and CHC 98-42 with averages 5% higher than the overall mean. Regarding to the grain yield, stability and adaptability, according to the HMRPGV statistic, has been found that lines: CNFP-10794, CHP 01-238, CHC 98-42, C 4-7-8-1-2 and LP 09-40, showed superiority to other lines, being promising candidates to become new cultivars recommended to the South region of Brazil. The lines that stand out in the diseases evaluations with low scores were: LP 09-192, LP 09-40, TB 02-23 and TB 03-13 in Maringá/2012, and FT 08-75 and LEC 01-11 (renamed Flor Diniz UEM) in Maringá/2013. The analysis via mixed models allowed us to identify superior genotypes of common beans according to their grain yield, adaptability and stability, giving the fact that the results are in the same magnitude of the original data.
URI: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/5348
Appears in Collections:2.1 Dissertação - Ciências Agrárias (CCA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Rodrigo.pdf1,3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.