Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/5639
Authors: Hidalgo, Maycon Raul
Orientador: Lorencini Júnior, Álvaro
Title: Orientações epistemológicas de professores de ciências em formação inicial : uma análise sobre as concepções de Ciências, de Ensino de ciências e suas inter-relações
Keywords: Formação de professores - Ensino de ciências;Formação de professores - História e filosofia da ciência (HFC);Ciências - História
Issue Date: 2019
Citation: HIDALGO, Maycon Raul. Orientações epistemológicas de professores de ciências em formação inicial: uma análise sobre as concepções de Ciências, de Ensino de ciências e suas inter-relações. 2019. 289 f. Tese (doutorado em Educação para a Ciência e a Matemática )--Universidade Estadual de Maringá, 2019, Maringá, PR.
Abstract: Resumo: O trabalho que ora se apresenta tem como objetivo compreender as orientações epistemológicas acerca da Ciência e de seu Ensino, e suas ressignificações entre licenciandos de um curso de Ciências Biológicas, considerando que ao compreender tais orientações, bem como suas inter-relações, seja possível lançar luz sobre os possíveis desdobramentos em vista da melhora na formação inicial de professores de Ciências. Desse modo, a pesquisa orientou-se em três questões básicas, sendo: i) As reflexões sobre como/de que forma a História e a Filosofia da Ciência têm contribuído, nos cursos de formação de professores, para a ressignificação das concepções sobre a atividade científica? ii) As reflexões teórico-filosóficas sobre os aspectos de Ensino e Aprendizagem desenvolvidas nos cursos de formação de professores têm contribuído para a ressignificação dos pensamentos pedagógicos dos licenciandos? iii) As reflexões sobre os aspectos epistemológicos que embasam a atividade científica influenciam – direta ou indiretamente – a forma dos licenciandos pensarem o Ensino de Ciências? Buscando responder a tais questionamentos e, consequentemente, atender ao objetivo central proposto, acompanhamos o desenvolvimento epistemológico de 8 licenciandos durante dois anos do curso; para a coleta de dados utilizamo-nos de dois instrumentos, o questionário descritivo (QD) e a entrevista semiestruturada, e para a análise dos dados valemo-nos da Análise Textual Discursiva (ATD) que nos possibilitou a elucidação de elementos intrínsecos do fenômeno pesquisado. Os resultados demonstraram que as orientações epistemológicas dos licenciandos tendem a manter-se consolidadas em uma perspectiva Tradicional, no que se refere ao Ensino de Ciências, e Moderna, no que se refere à Ciência, visto que 6 dos 8 licenciandos apresentaram tal estrutura epistemológica ao final da pesquisa. Consideramos, assim, que as reflexões desenvolvidas pelo curso não têm apresentado grandes contribuições para a ressignificação epistemológica, embora demonstrem-se necessárias para se atingir tal objetivo. Dois dos licenciandos, por sua vez, demonstraram ter consolidado concepções mais próximas das defendidas atualmente, aproximando-se da perspectiva Construtivista e Contemporânea, no que se refere ao Ensino de Ciências e à Ciência, respectivamente. Assim, os resultados demonstram que as orientações epistemológicas que embasam as concepções dos licenciandos acerca do Ensino de Ciência e da Ciência influenciam-se de modo indireto, ou seja, a ressignificação de uma concepção não atesta necessariamente a ressignificação na outra, embora possa auxiliar no processo. Consideramos, então, que o curso de formação docente deve recentralizar suas ações em vista dos objetivos que regem sua atividade principal, isto é, a Docência, de modo que reflexões acerca da Ciência e do Ensino de Ciências tornem-se mais expressivas já desde as primeiras séries; sobre tal recentralização, indicamos que as disciplinas específicas do curso passem também a inserir em suas ementas, e atividades pedagógicas, elementos de reflexão acerca da estrutura do conhecimento científico e das relações dos conhecimentos ali desenvolvidos na prática profissional docente, tendo em vista a Educação Básica. Outro fator a ser desenvolvido é a maior integração dos licenciandos com a pesquisa na área de Ensino de Ciências, de modo que os indivíduos em formação possam ter a possibilidade de uma reflexão com elementos práticos de estruturações do conhecimento científico que se distanciam do positivismo lógico ao qual a Ciência Moderna se consolidou.
Abstract: The present work aims to understand the epistemological orientations and its re-significations about Science and its Teaching among Biological Sciences pre-service teachers; We considered that by understanding such orientations, as well its interrelations is possible to shed light on the developments possibilities in view of the improvement in the initial formation of Science teachers. In this way, the research was oriented in three basic questions, being: i) Do the reflections on the History and Philosophy of Science in the initial training teacher course has have contributed to the re-signification of the conceptions about the scientific activity? ii) The theoretical-philosophical reflections on the aspects of Teaching and Learning developed in the initial training teacher course has have contributed to the re-signification of the pedagogical thoughts of the undergraduates? iii) Do the reflections on the epistemological aspects that underlie the scientific activity influence - directly or indirectly - the form of the undergraduates think the Teaching of Sciences? In order to answer these questions and, consequently, to meet the proposed central objective, we followed the epistemological development of eight undergraduates during two years of their course. For the data collection, we used two mechanisms, the descriptive questionnaire (QD), and the semi-structured interview; to analysis of data, the Discursive Textual Analysis (ATD) has possibilited the elucidation of intrinsic elements of the phenomenon investigated. The results demonstrated that epistemological orientations of undergraduates tend to remain consolidated in a Traditional perspective as regards Teaching of Science and Modern perspective as to Science. We considerate, therefore, that the reflections developed by the course have not presented great contributions for the re-signification of the conceptions of undergraduates, although they prove necessary to achieve this objective. Thus, the results show that the epistemological orientations support the conceptions of the undergraduates about the Teaching of Science and Science influenced itself indirectly, i.e., the re-signification of one conception does not necessarily attest to the signification in the other, although it be necessarily to reach the objective. Thus, we think the initial training teacher course should recentralize its actions front of its objectives, so the thinking about Science and Science Teaching become more expressive already from the first grades of education. On this recentralization, we indicate that the specific disciplines of the course must include in their syllabus - and consequently in the pedagogical activities - elements to think about the structure of the scientific knowledge and the relations of the knowledge developed in the professional teaching practice, in view of the Basic education. Another factor to be developed is the better integration of the undergraduates with the research in the Science Teaching field; so the individuals in formation can have the possibility of think about practical elements structures of scientific knowledge that distance itselves from the logical positivism at the modern science has consolidated.
Description: Orientador: Prof. Dr. Álvaro Lorencini Júnior
Tese (doutorado em Educação para a Ciência e a Matemática )--Universidade Estadual de Maringá, 2019
URI: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/5639
Appears in Collections:3.5 Tese - Ciências Exatas (CCE)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Maycon Raul Hidalgo_2019.pdf7,65 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.